Início / Arquivos de tag:

Arquivos de tag:

Itanhaém (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 24.566 62,85%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 10.513 26,90%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 2.791 7,14%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 895 2,29%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 140 0,36%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 132 0,34%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 27 0,07%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 20 0,05%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Ilha Comprida (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 3.203 68,54%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 1.082 23,15%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 195 4,17%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 173 3,70%
5 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 8 0,17%
6 210 EDMILSON COSTA PCB 7 0,15%
7 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 4 0,09%
8 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 1 0,02%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Iguape (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 8.875 68,41%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 2.641 20,36%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 1.051 8,10%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 344 2,65%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 26 0,20%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 22 0,17%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 10 0,08%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 5 0,04%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Guarujá (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 69.058 52,70%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 42.226 32,23%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 11.686 8,92%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 6.710 5,12%
5 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 625 0,48%
6 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 509 0,39%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 139 0,11%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 79 0,06%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Eldorado (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 3.900 57,99%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 1.859 27,64%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 776 11,54%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 166 2,47%
5 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 12 0,18%
6 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 7 0,10%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 3 0,04%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 2 0,03%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Cubatão (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 32.160 54,66%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 21.401 36,37%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 3.819 6,49%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 880 1,50%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 230 0,39%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 211 0,36%
7 210 EDMILSON COSTA PCB 76 0,13%
8 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 58 0,10%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Caraguatatuba (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 29.705 66,56%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 10.683 23,94%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 3.237 7,25%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 700 1,57%
5 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 149 0,33%
6 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 103 0,23%
7 210 EDMILSON COSTA PCB 30 0,07%
8 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 21 0,05%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Cananéia (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 3.743 63,91%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 1.255 21,43%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 754 12,87%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 72 1,23%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 18 0,31%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 8 0,14%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 5 0,09%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 2 0,03%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Cajati (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 9.433 68,05%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 3.234 23,33%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 806 5,81%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 332 2,40%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 25 0,18%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 23 0,17%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 7 0,05%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 2 0,01%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Barra do Turvo (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 1.789 46,58%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 1.712 44,57%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 317 8,25%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 17 0,44%
5 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 4 0,10%
6 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 1 0,03%
7 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 1 0,03%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 0 0,00%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

Bertioga (SP) – Votação final para Senador da República

Seq. Núm. Candidato Partido/Coligação Votação % Válidos
*0001 456 JOSÉ SERRA PSDB – PSDB / DEM / PEN / PMN / PT do B / PTC / PTN / SD / PPS / PRB / PSB / PSC / PSDC / PSL 16.518 73,21%
2 131 EDUARDO SUPLICY PT – PT / PC do B / PR 4.061 18,00%
3 555 GILBERTO KASSAB PSD – PMDB / PROS / PSD / PP / PDT 1.161 5,15%
4 140 MARLENE CAMPOS MACHADO PTB 489 2,17%
5 441 FERNANDO LUCAS PRP – PHS / PRP 278 1,23%
6 161 ANA LUIZA PSTU – PSOL / PSTU 35 0,16%
7 281 SENADOR FLÁQUER PRTB 12 0,05%
8 210 EDMILSON COSTA PCB 7 0,03%
#0009 290 JURACI GARCIA PCO 0 0,00%
#0010 430 KAKA WERA PV 0 0,00%

E pra Senador?

Nádegas flácidas

Ainda está indeciso quanto ao candidato ao Senado por São Paulo?

São 10 os candidatos ao Senado este ano. Veja neste link os nomes que estão concorrendo, e decida-se por aquele que você entende ser o melhor.

Minha colinha para hoje

Conheça a sequência das Arengas.

Senador Suplicy traz seu apoio à Onira em Peruíbe

Do Informes das Onira

Na quinta-feira (27) o senador Eduardo Suplicy (PT) esteve visitando Peruíbe, trazendo seu apoio à candidatura de Onira à prefeita.

Onira e Suplicy percorreram as ruas do tradicional bairro da Estação, conversando com as pessoas, visitando comerciantes e lojistas, e entregando o Programa de Governo da coligação Peruíbe. Coragem para mudar.

Suplicy e Onira, assim como os candidatos a vereadores da coligação, foram recebidos com carinho e apoio de todos. Depois da caminhada, ambos participaram de mini-comício ao lado da rodoviária, onde falaram à população e apoiadores.

“A companheira Onira tem experiência para governar Peruíbe. Ela sempre esteve ao lado da população e dos movimentos sociais. Onira tem ética, coragem e sabedoria que a credenciam. Por isso, em 7 de outubro, vote Onira, vote 13”, destacou o Suplicy.

Por sua vez Onira ressaltou a importância da vinda do senador à cidade. “A vinda do senador Eduardo Suplicy fortalecem nossa campanha, pois ele é uma referência moral e ética. Um político com ‘P’ maiúsculo, respeitado por todos”, afirmou Onira

Senador Suplicy vem a Peruíbe e traz seu apoio à Onira Prefeita

Da Assessoria

Na manhã desta quinta-feira, dia 27, o senador Eduardo Suplicy (PT) esteve visitando Peruíbe (foto), trazendo seu apoio à candidatura de Onira à prefeita.

Onira e Suplicy percorreram as ruas do tradicional bairro da Estação, conversando com as pessoas, visitando comerciantes e lojistas, e entregando o Programa de Governo da coligação “Peruíbe. Coragem para mudar”.

Suplicy e Onira, assim como os candidatos a vereadores da coligação, foram recebidos com carinho e apoio de todos. Depois da caminhada, ambos participaram de mini-comício ao lado da rodoviária, onde falaram à população e apoiadores.

“A companheira Onira tem experiência para governar Peruíbe. Ela sempre esteve ao lado da população e dos movimentos sociais. Onira tem ética, coragem e sabedoria que a credenciam. Por isso, em 7 de outubro, vote Onira, vote 13”, destacou o Suplicy.

Por sua vez Onira ressaltou a importância da vinda do senador à cidade. “A vinda do senador Eduardo Suplicy fortalecem nossa campanha, pois ele é uma referência moral e ética. Um político com ‘P’ maiúsculo, respeitado por todos”, afirmou Onira.

Foi um momento marcante da campanha a vinda do senador Eduardo Suplicy, que fortaleceu ainda mais a campanha nesta reta final.

Processo contra Senador Ivo Cassol e apóstolo Valdemiro Santiago entra na fase final

Ação pode ser julgada em maio pelo Tribunal Regional Eleitoral. Entre as consequências de uma possível condenação está a cassação do mandato do senador.
Cassol e Vandemiro Santiago: O procurador regional eleitoral, Heitor Soares, aponta que a situação foi grave porque “baseada no argumento da fé religiosa, da crença das pessoas, abusou-se do poder de autoridade religiosa e da própria liberdade religiosa, garantida constitucionalmente, em prol de candidatos, como se estes fossem - com a benção e as palavras de fé - representantes de Deus na Terra”.

Do Tudo em Rondônia, no Portal Genizah Virtual

Porto Velho, Rondônia – O desembargador Sansão Saldanha determinou a notificação de todos os envolvidos na Representação Eleitoral N. 2653-08.2010.6.22.0000, que apura a prática de crime eleitoral, para que apresentem alegações finais dentro de 48 horas para que a Relatoria elabore o relatório conclusivo da denúncia. O despacho foi publicado na edição desta sexta-feira (27) do Diário Oficial da Justiça Eleitoral de Rondônia.

O processo é uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral e trata de denúncia de abuso de poder econômico e político, uso indevido de meio de comunicação social (televisão e internet) que teria sido praticado pelo ex-governador e senador eleito Ivo Cassol durante um showmício realizado em Rolim de Moura, na campanha eleitoral de 2010, e que contou com a participação do pastor evangélio autodenominado apóstolo da Igreja Mundial, Valdemiro Santiago.

Na Representação o Ministério Público Eleitoral pede a cassação de diploma de todos os envolvidos, cassação de seus registros, que sejam declaradas suas inelegibilidades e aplicação de multas. Além de Cassol e Valdemiro foram denunciados, o ex-diretor-geral do Detran, Joarez Jardim, o ex-deputado estadual Tiziu Jidalias, os suplentes de senador Reditário Cassol, e Odacir soares, e o ex-vice governador João Cahúlla.

A votação da Representação pode entrar na próxima pauta do Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do mês de maio. Segundo a Procuradoria Regional Eleitoral de Rondônia, o líder religioso solicitou ao público de mais de dez mil pessoas que votassem naqueles candidatos, dizendo que eles eram “obra de Deus” e seus amigos.Se condenados, os acusados podem ficar inelegíveis por oito anos e terem seus registros ou diplomas cassados. A PRE/RO também pede que o apóstolo Valdemiro Santiago seja multado em duzentos mil reais.

Showmício religioso

No começo do período eleitoral, a PRE/RO emitiu uma recomendação para que todos os segmentos religiosos não fizessem propaganda eleitoral para candidatos, alertando sobre as consequências do descumprimento. A Igreja Mundial do Poder de Deus foi uma das entidades que recebeu a recomendação.

Em 18 de setembro, no Espaço Alternativo de Rolim de Moura, o apóstolo Valdemiro Santiago fez um ato religioso, sendo transmitido pela televisão e pela internet. Na ocasião, a Promotoria Eleitoral da cidade acompanhou o evento e constatou que houve “desvio de finalidade religiosa para promover os candidatos”. Com isto, os promotores pediram à Justiça Eleitoral que determinasse o encerramento imediato do show e a apreensão dos equipamentos de som, mas o juiz não foi localizado e o evento prosseguiu.

Os candidatos receberam uma benção coletiva promovida pelo líder religioso, que também pediu explicitamente apoio da multidão aos candidatos. Para a PRE/RO, “a atitude de abençoar os candidatos, fazendo referências claras a qualidade de agentes públicos e da estreita relação de amizade entre o líder religioso e os candidatos, é, indubitavelmente, fator de desequilíbrio na disputa eleitoral. Abusando da prerrogativa do ministério religioso, verdadeiro poder de autoridade, o pastor Valdomiro se empenhou fortemente na campanha eleitoral dos candidatos ali presentes”.

O procurador regional eleitoral, Heitor Soares, aponta que a situação foi grave porque “baseada no argumento da fé religiosa, da crença das pessoas, abusou-se do poder de autoridade religiosa e da própria liberdade religiosa, garantida constitucionalmente, em prol de candidatos, como se estes fossem – com a benção e as palavras de fé – representantes de Deus na Terra”.

Além do showmício, o apóstolo Valdemiro Santiago participou de um programa eleitoral do governador João Aparecido Cahulla, veiculado em 21 de outubro, onde aparece pedindo apoio ao candidato.

Senador Requião visita prefeitura de Piraquara


Da Assessoria de Comunicação de Piraquara

O prefeito Gabão encontrou-se com o senador Roberto Requião na tarde desta quinta (12), na sede da Prefeitura, para uma conversa sobre as propostas de Políticas Públicas para a cidade e o Estado. Estavam presentes também o vice-prefeito, Armando Neme Filho, secretários municipais, vereadores e líderes comunitários.

Um dos principais temas debatidos foi a questão das ações na região do Guarituba, onde a vontade de atender a um pedido da população e o trabalho para dar condições reais de moradia para cerca de 50 mil habitantes foram determinantes tanto para o prefeito Gabão quanto para Requião, que na época era o governador do Estado. “Quem começou com este trabalho fomos eu e o Requião. Naquele momento, somente 23% da população tinha acesso à rede de saneamento. Hoje cerca de 90% da população já está com acesso à rede de esgoto, água encanada e luz”, destaca Gabão.

Ele lembrou ainda que o programa de regularização fundiária desta região é o maior do Estado do Paraná. Com a vinda do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal, mais de 800 casas estão sendo construídas na região para retirar famílias de moradias em local de risco ou que habitam em área de preservação.

“É preciso garantir qualidade de saneamento para evitar doenças nas famílias. Saneamento é fundamental e reduz muito os gastos com saúde”, comenta Requião, que acrescentou que este era um projeto que sairia do papel mesmo sem a ajuda do Governo Federal: “nós, o Gabão e eu, iríamos fazer este projeto sair do papel de qualquer maneira”.

De acordo com a funcionária pública Maria G. de M. Correia é possível enxergar claramente a melhoria da qualidade de vida da população do bairro. “Há 20 anos meu marido e os amigos arrumavam a rua puxando terra e pedrisco de beira de barranco com uma carriola para que o carro com o padre chegasse para celebrar a missa em dia de festa. Hoje em todo lugar temos acesso fácil. As pessoas precisam enxergar isso”, relata.

Políticas públicas

O senador destacou a forma como a presidente Dilma Rousseff está conduzindo o país, mas fez algumas ressalvas. Segundo ele, o governo do Partido dos Trabalhadores (PT) está sendo melhor que o governo do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), na administração do sociólogo Fernando Henrique Cardoso (FHC). Apesar disto, na área econômica, os financiamentos estão sendo distribuídos de forma errada. “Estamos à beira do precipício, os empréstimos estão sendo dados para pessoas que comprometem 50% de sua renda com o pagamento dessas dívidas. A economia gira, mas o país está correndo um sério risco. É preciso distribuir renda para setores produtivos”, alerta Requião.

Questionado sobre o que é preciso fazer para que os Estados e municípios recebam mais verba federal, Requião destacou que é necessário fazer uma mudança econômica por parte do governo federal. A União arrecada muito com a contribuição financeira e esta verba não é partilhada, estes recursos passaram de 20% para 60% nos últimos anos, enquanto que os impostos sobre produtos industrializados (IPI) e de renda (IR), que são recursos divididos entre os Estados e municípios, caíram para 40%. Outro fator que predomina é que antigamente o país lutava para pagar a dívida externa e agora o grande problema é a dívida interna. “A presidente precisa mexer nesta área, é preciso jogar firme para que as pessoas sérias passem por cima dos picaretas”, diz o senador.

Requião também comentou as ações do governo do Rio de Janeiro na invasão e implantação da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) em algumas comunidades. De acordo com ele, estas ações foram semelhantes a que ele fez na Vila Zumbi dos Palmares, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A região era considerada uma das mais violentas do país e para conter este avanço ele colocou o Estado à frente da Polícia e entrou com serviços para a população. “Diferente do Rio de Janeiro, que entrou com armas em punho, nós viemos com emprego, saúde e educação para a população, e depois colocamos a polícia à disposição. Trabalhamos para a população baseados na ‘Carta de puebla'”, destaca, e finaliza: “hoje aquele lugar está abandonado. O atual governador tirou tudo de lá”.