Confira o resultado da eleição para prefeito em Prados, em números

Da Redação

Confirmada a eleição de Juninho do Léster para dar cumprimento ao seu segundo mandato como prefeito de Prados, no Campo das Vertentes, Minas Gerais, alguns dados precisam e devem ser anotados – até como fatos curiosos – para que o eleitorado tome conhecimento dos detalhes e meandros da apuração geral dos votos.

Com 21 urnas espalhadas pelo município, 7.061 eleitores eram esperados para cumprimento do dever cívico de votar para escolher os mandatários – prefeito e vereadores – que serão responsáveis pelo destino de Prado a partir de 2021, seguindo até 2024.

Nem todos compareceram, no entanto. Pelos registros finais do TSE, 14,25% (ou 1.006 eleitores) deixaram de votar. Dos que se apresentaram para votar (na eleição para prefeito), 193 (2,73%) decidiram anular o voto, enquanto 89 (1,26%), optaram por votar em branco.

Como ausências, votos nulos e votos brancos não contam para efeito de contagem efetiva que define o percentual de votos válidos com o qual um candidato ganhou, enquanto outro perdeu (Prados só tinha dois candidatos concorrendo para prefeito), o total de votos apurados, desta sorte, foi de 5.773 votos.

Assim, se do total de eleitores registrados no cartório eleitoral (7.061), Juninho do Léster venceu as eleições com 47,71% do eleitorado; do total de votos válidos (5.773) a eleição do prefeito Juninho foi confirmada como tendo 58,36%. Do outro lado, Gustavo Gastão, o candidato do PT que se opunha ao projeto de reeleição de Juninho, obteve 34,05% do todo, e 41,64% dos votos considerados válidos. Em termos nominais, foram 3.369 votos para Juninho, sendo que Gustavo Gastão teve 2.404 votos.

Votos por seção:

  • Seção 16 (Centro) = Juninho (131 votos) / Gustavo (117 votos)
  • Seção 17 (Centro) = Juninho (132 votos) / Gustavo (110 votos)
  • Seção 19 (Centro) = Juninho (171 votos) / Gustavo (160 votos)
  • Seção 20 (Centro) = Juninho (157 votos) / Gustavo (136 votos)
  • Seção 21 (Centro) = Juninho (170 votos) / Gustavo (145 votos)
  • Seção 22 (Centro) = Juninho (171 votos) / Gustavo (147 votos)
  • Seção 23 (Centro) = Juninho (176 votos) / Gustavo (120 votos)
  • Seção 24 (Centro) = Juninho (194 votos) / Gustavo (156 votos)
  • Seção 25 (Pinheiro) = Juninho (172 votos) / Gustavo (127 votos)
  • Seção 26 (Pinheiro) = Juninho (198 votos) / Gustavo (125 votos)
  • Seção 27 (Bichinho) = Juninho (144 votos) / Gustavo (124 votos)
  • Seção 28 (Bichinho) = Juninho (165 votos) / Gustavo (116 votos)
  • Seção 29 (Estação) = Juninho (54 votos) / Gustavo (33 votos)
  • Seção 31 (Carandaizinho) = Juninho (154 votos) / Gustavo (77 votos)
  • Seção 36 (Centro) = Juninho (182 votos) / Gustavo (130 votos)
  • Seção 37 (Pinheiro) = Juninho (198 votos) / Gustavo (125 votos)
  • Seção 38 (Pitangueiras) = Juninho (190 votos) / Gustavo (93 votos)
  • Seção 41 (Coqueiro) = Juninho (70 votos) / Gustavo (26 votos)
  • Seção 42 (Atalaia) = Juninho (186 votos) / Gustavo (76 votos)
  • Seção 46 (Vila) = Juninho (146 votos) / Gustavo (87 votos)
  • Seção 18/52 (Centro) = Juninho (208 votos) / Gustavo (174 votos)

Curiosidades

  • Juninho ganhou em todas as 21 urnas.
  • A seção onde Juninho teve mais votos nominais (208) foi a 18/52, no Centro.
  • A seção onde Juninho teve menos votos nominais (54) foi a 29, na Estação.
  • A seção onde Gustavo teve mais votos nominais (174) foi a 18/52, no Centro.
  • A seção onde Gustavo teve menos votos nominais (26) foi a 41, no Coqueiro.
  • Em termos percentuais, a seção onde Juninho foi mais bem votado, com 72,92% dos votos, foi a 41, no Coqueiro.
  • Em termos percentuais, a seção onde Juninho foi mais mal votado, com 51,66% dos votos, foi a 19, no Coqueiro.
  • Em termos percentuais, a seção onde Gustavo foi mais bem votado, com 48,34% dos votos, foi a 41, no Coqueiro.
  • Em termos percentuais, a seção onde Juninho foi mais mal votado, com 29,01% dos votos, foi a 42, no Atalaia.
  • Considerando votos nominais, Juninho foi mais bem votado no Centro, com 1.692 votos.
  • Considerando votos nominais, Juninho foi mais mal votado na Estação, com 54 votos.
  • Considerando votos nominais, Gustavo foi mais bem votado no Centro, com 1.395 votos.
  • Considerando votos nominais, Gustavo foi mais mal votado no Coqueiro, com 26 votos.
  • Em termos percentuais, Juninho foi mais bem votado no Coqueiro, com 72,92% dos votos.
  • Em termos percentuais, Juninho foi mais mal votado no Centro, com 54,81% dos votos.
  • Em termos percentuais, Gustavo foi mais bem votado no Centro, com 45,19% dos votos.
  • Em termos percentuais, Gustavo foi mais mal votado no Coqueiro, com 27,08% dos votos.

Leia também:

Piquita – Mulher símbolo de Prados

Da Redação Ela nasceu Maria Aparecida Mineiro – e pelo que se vê e se …