Início / POLÍCIA - MP - JUDICIÁRIO / Mensagem de WhatsApp tenta impor terror em escolas de Peruíbe

Mensagem de WhatsApp tenta impor terror em escolas de Peruíbe

Da Redação

Uma mensagem gravada sobre o fundo dos corredores de uma das escolas públicas de Peruíbe começou a ser disseminada na noite deste domingo, fazendo ameaças de repetir a chacina de Suzano também nas escolas de Peruíbe.

Segundo o áudio, que foi feito em voz computadorizada, a atenção deve ser voltada para as escolas Otoniel Junqueira, Planeta Azul (particular) e São João Batista, prometendo fazer o “maior massacre” e mencionando alguns nomes em particular, e terminando por dizer que “Suzano não foi o suficiente”.

Assim que o áudio chegou à Redação, via WhatsApp, por volta das 21hs deste domingo, prontamente a Redação acionou o prefeito Luiz Maurício, que lembrou que acabara de receber a mesma mensagem. Segundo o prefeito a mensagem não pode ser ignorada. “Estou em contato com a Secretaria de Segurança, e vamos ficar atentos.”, disse.

Insegurança e pânico

Segundo um analista de segurança ouvido pela Redação este “tipo de material que vai ficar sendo replicado nos grupos, gera insegurança e certo pânico”. Ele lembra que “esse tipo de situação acontece depois de uma desgraça – é trote e pressão para todo lado!”. Com base em sua larga experiência como oficial reformado da Polícia Militar, avisa: “não dá para acreditar, porém não dá pra relaxar”.

Acostumados aos trotes, os agentes das polícias hoje têm mecanismos para chegar até os autores desta mensagem. Oxalá seja mesmo só um trote, que, neste caso, é de um mal gosto terrível, porque mexe com o emocional das famílias.

Brincadeira ou não, é preciso uma pronta investigação para se chegar até o autor deste vídeo assustador. E que o autor seja exposto a público – ainda que menor de idade – para que as famílias de bem do município possam ter paz em mandar as crianças para as escolas.

“Temos nossos filhos e netos nessas escolas, e não podemos ficar reféns de pessoas irresponsáveis mais do que já somos reféns dos criminosos”, lamenta um munícipe nas redes sociais.

COMENTE ESTA POSTAGEM:

Leia também:

Polícia Civil detém 18 pessoas com drogas e R$ 15 mil durante operação em Peruíbe

A operação foi realizada pela Polícia Civil de Itanhaém em uma comunidade de Peruíbe. Do …