Carta à Igreja em Filadélfia

leitura anterior

E ao anjo da igreja que está em Filadélfia escreve:

Isto diz o que é santo, o que é verdadeiro, o que tem a chave de Davi; o que abre, e ninguém fecha; e fecha, e ninguém abre:

“Conheço as tuas obras; eis que diante de ti pus uma porta aberta, e ninguém a pode fechar; tendo pouca força, guardaste a minha palavra, e não negaste o meu nome.

“Eis que eu farei aos da sinagoga de Satanás, aos que se dizem judeus, e não são, mas mentem: eis que eu farei que venham, e adorem prostrados a teus pés, e saibam que eu te amo.

“Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.

Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa.

A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu DEUS, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu DEUS, e o nome da cidade do meu DEUS, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu DEUS, e também o meu novo nome.

“Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.”

Texto extraído do capítulo 3, versículos 7 ao 13, de O Apocalipse de João (Bíblia Sagrada), segundo a versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel (ACF).

próxima leitura

Leia também:

Nota de falecimento – Selma Jerônimo