A sétima trombeta

leitura anterior

E o sétimo anjo tocou a sua trombeta, e houve no céu grandes vozes que diziam: “Os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre”.

E os vinte e quatro anciãos, que estão assentados em seus tronos diante de DEUS, prostraram-se sobre seus rostos e adoraram a DEUS, dizendo: “Graças te damos, Senhor DEUS Todo-Poderoso, que és, e que eras, e que hás de vir, que tomaste o teu grande poder, e reinaste. E iraram-se as nações, e veio a tua ira, e o tempo dos mortos, para que sejam julgados, e o tempo de dares o galardão aos profetas, teus servos, e aos santos, e aos que temem o teu nome, a pequenos e a grandes, e o tempo de destruíres os que destroem a terra”.

E abriu-se no céu o templo de DEUS, e a arca da sua aliança foi vista no seu templo; e houve relâmpagos, e vozes, e trovões, e terremotos e grande saraiva.

Texto extraído do capítulo 11, versículos do 15 ao 19, de O Apocalipse de João (Bíblia Sagrada), segundo a versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel (ACF).

próxima leitura

Leia também:

Nota de falecimento – Selma Jerônimo