Início / GERAIS / Moradores da Baixada vão ter reajuste de até 33% no IPTU

Moradores da Baixada vão ter reajuste de até 33% no IPTU

Mais de 15 mil imóveis em Santos terão isenção total de imposto, segundo a Prefeitura. Sem aumento desde 1988, Peruíbe será a Cidade com maior reajuste do imposto na região
Foto: Matheus Tagé/DL
Várias prefeituras usaram o percentual da inflação oficial acumulada no período de um ano para reajustar o imposto em 2014

Da Reportagem do Diário do Litoral

Tão batido quanto os votos de felicidade, prosperidade e saúde que as pessoas se desejam para o próximo ano é a certeza de que o ano novo virá com uma carga maior de impostos. Na Baixada Santista, os moradores de Peruíbe foram “agraciados” com o maior reajuste de IPTU da região: 33%. Já quem reside em Itanhaém tem, de fato, o que comemorar: o carnê não virá com aumento nenhum.

A Prefeitura de Peruíbe explica que em virtude da defasagem no valor do IPTU teve de realizar um reajuste de 0,2% sobre a alíquota do valor venal do imóvel, passando de 0,6% para 0,8%.

A Administração Municipal garante isenção do reajuste para imóveis de propriedade predial em Peruíbe com valor igual ou inferior a R$ 80 mil, respeitando uma lei municipal aprovada em setembro.

Itanhaém

Os 141.615 contribuintes de Itanhaém não terão reajuste no IPTU de 2014. E o prazo para pagamento de cota única com desconto de 8% vai até o dia 10. Quem tem dívida com tributos municipais pode parcelar o débito.

Santos

A Prefeitura de Santos aplicou 12% da diferença da nova Planta Genérica em relação a 2013. O desconto para pagamento à vista será de 2%. Um total de 15.470 imóveis têm isenção total, outros 7 mil contam com isenção parcial.

Praia Grande

O valor do IPTU em Praia Grande depende do tipo do imóvel. A alíquota para cálculo do imposto predial passou de 1,50% para 1,56% do valor venal do imóvel. Para o imposto territorial, de 3,10% para 3,18%.

Com o novo cálculo, o reajuste será de 4% linear. A Administração Municipal justifica que o percentual está abaixo da inflação acumulado no período (de outubro de 2012 a outubro de 2013), que foi de 5,86%. Quem pagar em cota única terá 5% de desconto.

Cubatão

O Projeto de Lei que revisa a Planta Genérica de Valores de Cubatão recebeu emendas dos vereadores Severino Tarcício da Silva, o Dóda (PSB), e Ademário da Silva Oliveira (PSDB) e saiu da pauta da sessão da última sexta-feira. Com as emendas, o projeto que seria votado durante a sessão volta às comissões permanentes da Casa. A Prefeitura acabou editando um decreto que define a aplicação da correção monetária de 5,58% a todos os imóveis da Cidade.

Guarujá

Reajuste de 5,58% no IPTU para os moradores de Guarujá em 2014. A Administração Municipal usou o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Aplicado (INPC), de novembro de 2012 a outubro de 2013. Segundo a assessoria de imprensa, esse mesmo índice é aplicado nos últimos três anos.

Mongaguá

O valor do metro quadrado de construção e de terreno em Mongaguá, usados como base de cálculo para lançamento do IPTU 2014, foi reajustado em 5,84%. A cota única com desconto de 5% deve ser paga até 15 de janeiro.

Bertioga

O mesmo percentual, 5,84%, será aplicado a quem tem casa ou apartamento em Bertioga. Haverá desconto de 3% para quem pagar em cota única. O dia do pagamento e a primeira parcela vencem em 31 de janeiro. Nos outros meses, a data de pagamento das parcelas varia entre os dias 20 e 22.

Uma lei aprovada este ano estabelece que cerca de 3.400 imóveis com valor venal de até R$ 50 mil estarão isentos do imposto.

São Vicente

A Secretaria da Fazenda de São Vicente calculou em 6,068% o reajuste do IPTU. Para cota única, o vencimento será no dia 2 de janeiro, com desconto de 7%. A Prefeitura lançou 107 mil carnês para o próximo ano.

COMENTE ESTA POSTAGEM:

Leia também:

Prados realiza evento pela luta antimanicomial neste próximo sábado, 1º de junho

Da Redação O Dia Nacional da Luta Antimanicomial receberá atenção da municipalidade em Prados, MG, …

Joomla extensions, Wordpress plugins