Mais 528 moradias populares serão entregues ainda este ano em Peruíbe

As moradias populares serão destinadas para moradores que residem em áreas de risco ou alagáveis
Foto: DIvulgação
Deste total, 3% serão destinados a idosos e 3% para deficientes físicos

Da Reportagem do Diário do Litoral

O sonho da casa própria vai se tornar realidade para centenas de famílias carentes que moram em Peruíbe. Até o final deste ano, a Prefeitura entregará 528 unidades habitacionais que estão inseridas no Conjunto Residencial Serra do Mar, instalado no bairro Santa Isabel. As moradias populares serão destinadas para moradores que residem em áreas de risco e/ou alagáveis. Deste total, 3% serão destinados a idosos e 3% para deficientes físicos.

De caráter social, o Conjunto Serra do Mar está custeado com recursos do Programa Minha Casa, Minha Vida, na qual serão oferecidas casas sobrepostas de até 46 metros quadrados, e com 2 dormitórios. Os moradores contemplados deverão pagar uma taxa mensal de R$ 25, mais condomínio e taxa social de água e luz. Em contrapartida, a Prefeitura vai beneficiar as famílias com isenção de IPTU e ITBI.

O critério nacional de seleção das famílias deve se enquadrar no perfil da CEF e estar de acordo com a Portaria n° 610, de 26/11/2011 – faixa de renda de até R$ 1.600,00 para a família.

Além do conjunto que será entregue neste ano, a prefeita Ana Preto também tem atendido investidores e parceiros, para projetos cuja demanda passa de 2 mil unidades na Cidade.

“Seguramente, Peruíbe será a Cidade com maior entrega de moradias de cunho social da Baixada Santista. Isso ocorre pelo nosso interesse em suprir o déficit residencial existente no Município e pela facilidade de terrenos que a Cidade de Peruíbe oferece”, destacou a prefeita.

Conjunto Habitacional Santa Isabel

Para o próximo ano, a Prefeitura fará a entrega de mais 320 unidades do Conjunto Habitacional Santa Isabel. Também serão casas sobrepostas para contemplar famílias carentes. Além disso, os moradores que já foram selecionados deverão efetuar o pagamento de mensalidade, taxa de água, luz e condomínio.

A Prefeitura mantém ainda outros programas de moradia popular que estão em fase de licitação.

Leia também:

Nota de falecimento – Selma Jerônimo