sexta-feira , 17 novembro 2017
HOME / POLÍTICA / Ana Preto terá maioria na Câmara. Mas pode ter surpresas (veja os vereadores eleitos)

Ana Preto terá maioria na Câmara. Mas pode ter surpresas (veja os vereadores eleitos)

Da Redação

Com oito dos 15 vereadores eleitos para o próximo mandato, a prefeita eleita Ana Preto pode já comemorar porque a perspectiva é a de que terá tranquilidade no Legislativo para governar.

Foram oito os vereadores eleitos de sua coligação: três do PTB, dois do PMDB, um do PV, um do PT e uma do PCdoB.

O grupo liderado pelo ex-prefeito Gilson Bargieri elegeu seis vereadores: dois do PSB, dois do PSDC, um do PPS e um do PSDB.

Isolado, o PT continua com apenas um vereador na Câmara.

Fiéis da balança

Desta vez o fiel da balança não ficará com uma pessoa apenas. Se o vereador eleito pelo PT resolver se somar à oposição dos vereadores eleitos que são fiéis ao derrotado Gilson Bargieri, ainda assim terá minoria, já que o grupo somaria sete vereadores contra os oito eleitos de Ana Preto.

Todavia, há que se ponderar que, caso o próximo presidente da Câmara venha a ser, por condição natural, um dos nomes dentre os oito da situação, numa votação em plenário, com o presidente ficando impedido para votar, os grupos estariam equilibrados em sete a sete. E o presidente votaria apenas em caso de empate, usando do chamado “voto de Minerva”.

A situação se complicaria se a candidata comunista se aliasse ao candidato petista, e resolvessem fazer um bloco minoritário. A “força” desses dois votos pendendo para um lado ou para outro, se bem usado, pode até mesmo provocar de cara a primeira derrota da prefeita eleita na Câmara, que se dá por ocasião da eleição do primeiro presidente do próximo mandato.

Isso seria possível ao imaginarmos os seis vereadores indicando o vereador do PT, por exemplo, para ser o candidato do grupo à presidência da Câmara. Basta provocar os brios e a vaidade de um dos oito da base da futura prefeita, ou mesmo invocar o caráter de oposição da comunista eleita que já se tem ingredientes suficientes para fazer a balança pender para a oposição.

Como já se foi o tempo que o primeiro presidente seria o mais votado – ou o mais velho – dentre os eleitos, tudo passa a ser possível. Ainda mais quando é de se presumir que Gilson Bargieri perdeu as eleições, mas não perdeu o poder que tem sobre o grupo sobre o qual continuará liderando com mão forte. Afinal, em 2016 ele poderá ser candidato a prefeito. E não duvidem que já a partir de hoje ele esteja fazendo sua campanha.

Veja os vereadores eleitos:

  1. Zeca, PV, 924 votos
  2. Dr. Luiz Maurício, PSDB, 729 votos
  3. Osvaldo do Posto, PR, 648 votos
  4. Cabra Bom, PTB, 618 votos
  5. Rafael, PMDB, 581 votos
  6. Nilsão, PSB, 553 votos
  7. André de Paula, PMDB, 549 votos
  8. Nivaldo Bahia, PSB, 519 votos
  9. Mohai, PSDC, 508 votos
  10. França, PTB, 499 votos
  11. Ivo Eletricista, PTB, 497 votos
  12. Loro, PSDC, 494 votos
  13. Dr. Rubens, PPS, 423 votos
  14. Dra. Laila, PCdoB, 353 votos
  15. Ricardo Corrêa 297
Joomla extensions, Wordpress plugins

Sobre mrwash

Confira também:

Urgente! – Temer passa mal e é internado em Brasília

De O Antagonista Segundo Andréia Sadi, da GloboNews, Michel Temer acaba de ser internado em …

Senador Álvaro Dias mostra como Lula ajudou a JBS a dilapidar o BNDS (Vídeo)

Em nota Zeca da Firenze esclarece doações para sua campanha: fatos distorcidos e má-fé

Da Redação Em nota emitida da noite deste domingo, 21, o ex-vereador e ex-presidente da …