HOME / POLÍTICA / PT deve levar chapa “puro sangue” rumo às eleições em Peruíbe. Toninho Góes pode vir a ser o vice
Logo Walmart

PT deve levar chapa “puro sangue” rumo às eleições em Peruíbe. Toninho Góes pode vir a ser o vice

Toninho Góes: vice da Onira?

Da Redação

Disposto a enfrentar a batalha eleitoral com seus princípios e ordem programática, o Partido dos Trabalhadores de Peruíbe parece estar decidido mesmo a enfrentar as eleições ainda que venha a contar somente com candidatos dentre os seus próprios filiados.

Com o anúncio oficial do lançamento da candidatura da vereadora Onira a prefeita pela agremiação, em pré-convenção realizada em 26 do mês passado (veja aqui), e com os nomes já decididos a serem candidatos a vereadores pelo partido, o PT tem empreendido uma verdadeira caçada nestes últimos dias buscando apoio de partidos que ainda não estejam comprometidos com as candidaturas também já anunciadas da empresária Ana Preto (PTB), e da própria prefeita Milena Bargieri (PSB), em sua busca da reeleição.

A tarefa não é fácil. Até aqui o único partido de sinalizou disposição em estudar a proposta do PT para apoio foi o PPS que, em Peruíbe, é representado pelos ex-prefeitos Julieta Omuro e Mário Omuro. No entanto, a direção nacional do PT vetou qualquer tentativa de coligação com o partido de Roberto Freire. O PPS deve ficar mesmo na base de apoio de Nelson do Posto, que será candidato a prefeito pelo PR.

Outro partido sondado foi o PSC, do atual presidente da Câmara, Emer Elias Abou Jaoude. As notícias de que o próprio Emer teria perdido o partido para Gilson Bargieri ou para a própria Ana Preto (notícia não confirmada) desanimou as tentativas de aproximação.

Sem vice

Aliás, Emer (PSC), assim como Mário Omuro (PPS), Zeca da Firenze (PV), e até mesmo o duas vezes vice-prefeito José Carlos Rúbia de Barros, o Carlinhos, atualmente no PSD, foram insistentemente sondados pelos articuladores do PT para discutirem a possibilidade de serem apresentados como vice na chapa liderada por Onira. Destes, o único que pode ser contado no rol das possibilidades é mesmo Carlinhos. Carlinhos já foi vereador, presidente da Câmara, e vice-prefeito de Sodré (1993-1996) e Gilson Bargieri (2001-2004).

As notícias de bastidores, no entanto, são pouco animadoras também para Carlinhos, já que parece que uma das eminências pardas da atual administração esteve em São Paulo esta semana com uma oferta bastante agradável para a direção estadual do PSD tirar o partido dele.

Se isto for confirmado, o “cerco” à candidatura majoritária do PT faz crer que o grupo político que está preocupado com a reeleição da prefeita Milena em virtude do seu alto grau de rejeição, ao tentar deixar a Onira sozinha com seu partido poderia estar dando um “tiro no pé”, até porque uma eventual fusão hoje de Onira com Ana Preto seria o fim do projeto político da família Bargieri.

Valorosos combatentes

Mas a militância petista é destemida. Parece que vão à luta, mesmo que sozinhos, mesmo que não haja recursos financeiros para fazer a campanha.

Se assim for, o vice até aqui faltante, deixaria de fazer falta com a apresentação de um nome do próprio partido para vir a ser o vice de Onira.

Dentre os nomes cotados, aquele que talvez seja mais representativo, até pela história de luta política e sindical na cidade – e no partido, seja mesmo o de Antonio Claret de Góes, o Toninho Góes.

Toninho, que é corretor de imóveis e dono da imobiliária que leva o seu nome, já foi bancário, funcionário público e, em Peruíbe, fundador do PT e do SINTRAPE – Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Peruíbe. Além da militância local, tem larga vivência e conhecimento junto ao partido, principalmente no ABC, berço do Partido dos Trabalhadores.

Sobre mrwash

Confira também:

Senador Álvaro Dias mostra como Lula ajudou a JBS a dilapidar o BNDS (Vídeo)

Em nota Zeca da Firenze esclarece doações para sua campanha: fatos distorcidos e má-fé

Da Redação Em nota emitida da noite deste domingo, 21, o ex-vereador e ex-presidente da …

Em nota, Alex Matos nega irregularidades nas doações para suas campanhas

Da Redação Em meio à turbulência que as delações premiadas feitas pelos donos do Grupo …