HOME / MINHA LAVRA / O galinho do reverendo

O galinho do reverendo

Esta é a história de um galinho
De um galinho garnizé
Que foi passear um tiquinho
E acabou ficando a pé.

O seu dono, o reverendo
Até que intentou-lhe bem:
Ansiou vê-lo sair comendo
Muitas galinhas também.

No sítio o pequeno galo
Pouco após haver-se farto,
Ao sair para um regalo
Comido foi por lagarto.

Sem testemunhas, o fato,
Além de penas bocado,
Põe suspeita sobre o gato,
Os cachorros e o cunhado.

Grande luta agora aquece
Pra devolver galo igual,
Mas difícil nos parece
Achar branco como o tal.

Invoquemos São Francisco
Por solução tão esperada
Mas eu para mim arrisco
Que só tem alma penada.

Peruíbe, 14 de setembro de 2011
Washington Luiz de Paula

Sobre mrwash