Início / GERAIS / Nível de emprego na indústria desacelera em abril

Nível de emprego na indústria desacelera em abril

Indústria
O emprego na indústria sofreu um leve desaquecimento nos últimos meses

Por Redação – do Rio de Janeiro, no Correio do Brasil

O emprego na indústria brasileira mostrou sinais de desaceleração em abril, com variação negativa de 0,1% frente a março e o crescimento mais fraco desde fevereiro de 2010 na comparação anual. Frente ao mesmo período do ano passado, o aumento do pessoal ocupado foi de 1,7%, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira.

Foi a “décima quinta taxa positiva nesse tipo de comparação, mas a menos intensa desde fevereiro de 2010″, segundo o IBGE. “A taxa anualizada, indicador acumulado nos últimos doze meses, cresceu 3,7%, mas com ligeira redução frente aos índices de fevereiro e março”, acrescentou o Instituto. No confronto com abril do ano passado, o emprego na indústria mostrou expansão em 11 dos 14 locais investigados, com destaque para Paraná, região Nordeste e Minas Gerais.

Em termos setoriais, as contribuições positivas mais relevantes vieram de Meios de transporte, Alimentos e bebidas, Produtos de metal e Máquinas e equipamentos. O valor da folha de pagamento real dos trabalhadores da indústria caiu 0,8% em relação a abril, após avançar por três meses consecutivos. Sobre abril do ano passado, a folha na indústria teve expansão de 4,7%.

O número de horas pagas mostrou queda de 0,4% em abril sobre março e alta de 1,2% em relação ao ano passado.

COMENTE ESTA POSTAGEM:

Leia também:

Médico com ELA é destaque na 2ª Conferência Internacional de Inovação em Saúde

Patrícia Pacífico, Portal Giro 101 O ativista e médico alagoano portador da Esclerose Lateral Amiotrófica …