quinta-feira , 18 Janeiro 2018
HOME / GERAIS / Após confessar assassinato da mulher, homem morre a facadas

Após confessar assassinato da mulher, homem morre a facadas

Do TV Nativa, no 24HorasNews
Após ser detido pela Policia Militar em Nova Guarita na madrugada de sábado para domingo e ter confessado friamente o assassinato da mulher, Lourdes Ferreira Medeiros, a “Lurdona”  e justificado sua atitude como “um favor para a sociedade”, Levi Ribeiro Palhano, 39 anos,  foi liberado pela justiça, para responder em liberdade enquanto aguarda os tramites legais da lei. Acabou morrendo horas depois.
Réu primário e confesso, Levi saiu da cadeia as 17 horas desta segunda-feira (28) e se dirigiu a um bar localizado na rua B-1. Algumas horas depois a Policia foi acionada, informando que um homem estava ferido com golpe de faca, caído na rua. A Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil se deslocaram até o local informado, onde encontrou Levi já sem vida.
“Pelo jeito foi um acerto de contas, um acerto de conta entre o antigo caso que ele tinha matado a mulher, pelo jeito alguém, a gente tem que descobrir quem, estamos correndo atrás das informações, temos alguns indícios e estamos atrás de quem desferiu esse golpe”, informou tenente Cleber a TV Nativa.
As informações apontam para Simeão Inciso, vulgo “Paraguai” de 62 anos, que na ocasião do assassinato da Lurdona foi tido como suspeito, agora é o principal acusado de ter desferido o golpe de faca que culminou a vida de Levi. Mesmo após ter sofrido o golpe, Levi ainda andou cerca de 100 metros, por onde passou ficou visível o rastro de sangue. O fato ocorreu por volta das 20 horas.
A Policia agora seguirá investigando o fato até que o responsável seja localizado.

Sobre mrwash

Confira também:

Aumente sua auto-estima. Rejuvenesça com Lift Gold

Se você está vendo estes anúncios abaixo, outras pessoas poderão ver o seu anúncio também! …