Início / GERAIS / Após prisão, prefeito de Juiz de Fora renuncia ao cargo

Após prisão, prefeito de Juiz de Fora renuncia ao cargo

Da Folha Online
O prefeito de Juiz de Fora, Alberto Bejani (PTB-MG), renunciou ao cargo nesta segunda-feira após as recentes denúncias sobre o seu envolvimento em um esquema de desvio de dinheiro público. Bejani está preso desde o último dia 12, quando foi deflagrada a operação De volta para Pasargada pela Polícia Federal. A operação foi um desdobramento da operação Pasargada 1, deflagrada em abril e que também resultou na prisão do ex-prefeito.
Em carta protocolada na Câmara dos Vereadores na manhã de hoje, Bejani pede a renúncia para ter mais tempo para se defender. De acordo com o vereador Isauro José de Calais Filho (PMN-MG), que preside uma CPI na casa para investigar as denúncias contra o ex-prefeito, o vice de Bejani, José Eduardo Araújo (PR), será empossado no cargo às 17h de hoje.
A CPI vai apresentar às 14h de hoje o relatório final das investigações, que aponta a participação do prefeito no esquema. “Se ele não renunciasse, a Câmara iria pedir a cassação dele”, afirmou Calais Filho à Folha Online.

Pasargada

Na primeira etapa da operação Pasargada foram presos 16 administradores de cidades de Minas Gerais, Bahia e Distrito Federal por suspeitas de desvio ilegal de recursos do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), que é repassado pela União. O prejuízo aos cofres públicos é estimado em R$ 200 milhões, em três anos.
De acordo com a Polícia Federal, o objetivo da segunda operação foi comprovar a origem do dinheiro apreendido na casa de Bejani. A PF suspeita que a origem do dinheiro seja ilícita. Na primeira etapa da operação Pasargada, a PF apreendeu R$ 1,1 milhão em dinheiro na casa e no sítio do prefeito petebista, além de cinco armas, sendo uma de uso exclusivo das forças federais.
Na segunda etapa da operação Pasargada, deflagrada no dia 12 de junho, a PF apreendeu oito veículos, além de R$ 230 mil em dinheiro.
COMENTE ESTA POSTAGEM:

Leia também:

Prados realiza evento pela luta antimanicomial neste próximo sábado, 1º de junho

Da Redação O Dia Nacional da Luta Antimanicomial receberá atenção da municipalidade em Prados, MG, …

ADITIVO AUTOMOTIVO